Proposta de Zoneamento Ecológico-Econômico (ZEE) do Parque Olhos D'Água - doi: 10.5102/univhum.v6i1.856

Fabiana de Mattos Vieira, Gladis L. Maddalozzo Granemann

Resumo


A proposta inicial desse trabalho foi a elaboração de um Zoneamento Ecológico-Econômico (ZEE) da área de nascente do Parque Ecológico e de Uso Múltiplo Olhos d’Água. O Zoneamento Ecológico-Econômico é uma ferramenta de estudos ambientais que envolvem estudos sobre o meio ambiente, os recursos naturais e as relações entre a sociedade e a natureza e que servem como subsídio para a elaboração de diretrizes e ações de conservação e recuperação de áreas degradadas de um território delimitado. A pesquisa foi impulsionada pelo litígio entre ambientalista e os agentes imobiliários que agiam na área de entorno do parque e que, supostamente, envolvia as nascentes do Parque. No decorrer da pesquisa, foi possível constatar que as nascentes em questão estavam dentro dos limites do parque. Desta forma, o ZEE, do ponto de vista dos objetivos propostos, se mostrou inadequado. No entanto, o resultado das pesquisas elaboradas nos levará a outras possibilidades de trabalho, desta vez, voltadas a trabalhos de educação e controle ambiental, internos ao Parque Ecológico e de Uso Múltiplo Olhos d’Água.

Texto completo:

Texto Completo


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/univhum.v6i1.856

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1984-9419 (impresso) - ISSN 2175-7488 (on-line)

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia