Análise inter-relacional dos instrumentos do Sinaes: uma proposta emancipatória - doi: 10.5102/univhum.v6i1.851

Mara Lúcia Castilho, Maria Cristina Loyola dos Santos, Magda de Lima Lúcio

Resumo


A Comissão Própria de Avaliação do UniCEUB tem, ao longo dos últimos anos, mobilizado os gestores institucionais para utilizarem os relatórios da avaliação interna como estrutura organizadora das ações, visando profissionalizar a ação gestora. Este artigo apresenta as reflexões dessa estratégia no interior da Instituição, em particular, no curso de Psicologia, e demonstra um caminho possível para que o gestor embase sua prática cotidiana. A finalidade última da proposta é transpor a função regulatória da avaliação institucional em direção à função emancipatória, como possibilidade de a Instituição transformar as relações sociais estabelecidas entre os segmentos que compõem o universo do ensino superior.

Texto completo:

Texto Completo


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/univhum.v6i1.851

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1984-9419 (impresso) - ISSN 2175-7488 (on-line)

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia