Envolvimento do Glutamato na Ansiedade de Ratos no Labirinto em Cruz Elevado - doi: 10.5102/ucs.v5i1.418

Camila Pinheiro Pozzer, Ivaldo Jesus Lima de Oliveira

Resumo


O glutamato (GLU) é o neurotransmissor excitatório mais importante existente no cérebro do homem e interfere no processo da ansiedade. Os receptores do (GLU) são ionotrópicos (NMDA, AMPA e cainato) e metabotrópicos (acoplados às proteínas G). Investigou-se o envolvimento do (GLU) sobre os níveis de ansiedade de ratos submetidos ao (LCE) para detectar a dose mais eficaz e o efeito do glutamato (ansiolítico ou ansiogênico), através de uma curva dose-resposta. Realizaram-se experimentos com ratos Wistars machos de (200 a 280g). As porcentagens de tempo gasto nos braços abertos foram consideradas indicadores de ansiedade. As doses de (GLU), 3 e 5 mg/kg (i.p.), apresentaram efeito ansiogênico sobre a ansiedade destes animais. Esses resultados demonstraram que as porcentagens de tempo nos braços abertos dos animais experimentais diminuíram em relação ao grupo controle e com maior efetividade detectada com a dose de 3 mg/kg (i.p).y

Palavras-chave


Glutamato; Receptores ionotrópicos; Ansiedade; Labirinto em cruz elevado

Texto completo:

Texto Completo


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/ucs.v5i1.418

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1678-5398 (impresso) - ISSN 1981-9730 (on-line) - e-mail: universitas.saude@uniceub.br

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia