Efeito da acupuntura na qualidade de vida e no tratamento da dor em pacientes com fibromialgia - doi: 105102/ucs.v12i1.2820

Raphaela Menezes de Oliveira, Hugo Alves de Sousa, José Roberto P. de Godoy

Resumo


A fibromialgia é uma síndrome reumática caracterizada por dor musculoesquelética crônica, não inflamatória, associada à fadiga, distúrbio do sono, rigidez matinal, disfunção cognitiva, ansiedade e depressão. O objetivo do estudo foi avaliar o efeito da acupuntura na atividade eletrodermal, na qualidade de vida e na redução da dor em indivíduos fibromiálgicos. Trata-se de uma série de casos com pacientes do gênero feminino e idade compreendida entre 35 e 58 anos. Foram avaliados 3 desfechos: a intensidade da dor, por meio da Escala Visual Analógica (EVA); a qualidade de vida, investigada pelo Questionário Sobre o Impacto da Fibromialgia (QIF); e a atividade eletrodermal, verificada por Ryodoraku. Como resultado, observou-se redução percentual da dor entre 34% a 63% na EVA, melhora em 7 dos 10 itens do QIF e aumento da eletropermeabilidade média do Ryodoraku, de 34,95±11,12 para 46±11,66. Conclui-se que a acupuntura promoveu melhoria dos sintomas em todas as participantes do estudo.

Palavras-chave


Acupuntura; Fibromialgia; Atividade Eletrodermal; Ryodoraku.

Texto completo:

Texto Completo


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/ucs.v12i1.2820

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1678-5398 (impresso) - ISSN 1981-9730 (on-line) - e-mail: universitas.saude@uniceub.br

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia