Análise morfométrica dos efeitos da imobilização sobre o músculo gastrocnêmio de ratos - doi: 10.512/ucs.v11i2.2518

Marcia Mendes Carvalho, Wagner Rodrigues Martins, Juscelino Castro Blackzick, Carlos Alberto da Cruz Júnior, Hugo Alves de Souza, Selma Aparecida Souza Kückelhaus, Marcio Rabelo Mota

Resumo


O objetivo deste trabalho é compreender os efeitos da imobilização em encurtamento do músculo gastrocnêmio de ratos, por meio de análise de variáveis como peso e comprimento muscular, diâmetro das fibras e alterações morfológicas. Utilizamos 15 Rattus norvegicus machos da linhagem Wistar, distribuídos em três grupos: Controle (GC), intactos em gaiolas por 7 dias; Imobilizado (GI) com a pata esquerda encurtada por 3 semanas e Imobilizado e Solto (GIS), imobilizados durante 3 semanas e, após esse período, livres nas gaiolas durante 3 semanas, sem intervenção. Após a eutanásia, os músculos foram coletados para as análises. A imobilização promoveu redução de peso em todos os grupos. Não houve alteração significativa em relação ao comprimento, exceto entre o GC e GIS (p=0,01). Na análise do diâmetro não foi observada diferença estatística entre os grupos (p>0,05). As alterações morfométricas, após imobilização, causaram redução de peso e de comprimento. Na variável diâmetro muscular, não foram observadas diferenças estatisticamente significativas.

Palavras-chave


Músculo esquelético;Gastrocnêmio;Imobilização

Texto completo:

Texto Completo


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/ucs.v11i2.2518

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1678-5398 (impresso) - ISSN 1981-9730 (on-line) - e-mail: universitas.saude@uniceub.br

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia