Exercício físico durante a gestação: uma prática saudável e necessária - doi: 10.5102/ucs.v9i2.1410

Renata Alvez Azevedo, Márcio Rabelo Mota, Alessandro Oliveira Silva, Renata Aparecida Elias Dantas

Resumo


Atualmente as atividades físicas são indicadas para as gestantes que não apresentem anormalidades, mediante avaliação médica especializada. Deve-se seguir uma orientação médica sobre as complicações que poderão surgir durante a gestação e de um profissional de educação física habilitado para a elaboração e prescrição dos exercícios físicos com adaptações. Existem alterações fisiológicas naturais do processo gestacional. Essas alterações incluem o equilíbrio e coordenação motora da gestante. O exercício físico proporciona melhora desses sintomas, além de benefícios para a mãe e o bebê. A prática de exercício físico deve ser orientada por um profissional de educação física após liberação do médico especialista. Este estudo procurou mostrar, por meio de revisão da literatura, a importância da prática de exercícios físicos orientados para a promoção de benefícios para a grávida e para o feto.

Palavras-chave


Exercício físico;gravidez; alterações fisiológicas

Texto completo:

Texto Completo


DOI: http://dx.doi.org/10.5102/ucs.v9i2.1410

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1678-5398 (impresso) - ISSN 1981-9730 (on-line) - e-mail: universitas.saude@uniceub.br

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia